Tudo passa
Todo mundo é capaz de dominar uma dor, exceto quem a sente.
William Shakespeare.     (via era-comum)
Tinha aquela cara de moça sabida, forte, cheia de sí, um pouco metida até. Mas por dentro era uma verdadeira maria-mole. Se magoava fácil, sorria fácil, chorava fácil. Só não era fácil de entender. Era misteriosa, impenetrável, intimidadora. Poucos a conheciam de verdade, poucos sabiam quem era. Usava uma armadura de proteção. Era meio complexa. Tinha medo de se machucar.
Borbulhar.  (via victoriadella)